22 de abril de 2013

Muito além da tramp'urbana. Perdão: Taprobana.

"E que, pelo menos, não se fique a pensar que Taprobana é nome de avó antiga: Dona Taprobana, Ti Maria Taprobana. Não. Antes que sejam sugeridos outros delírios, é importante que fique assente: Taprobana era o antigo nome da ilha de Ceilão, metaforicamente significava o fim do mundo. Para explicação mais detalhada, é favor consultar a internet."
Excerto da versão de José Luís Peixoto de Os Lusíadas, Canto I, todas as semanas com a Visão.

Eu sou do Benfica.
Sei o que significa não esperar grande coisa de um canto.
Mas isto dá todo um novo significado à acção de não esperar grande coisa de um canto.

1 comentário:

  1. :-) Hás de ter muitos amigos à tua espera, no Alentejo...

    ResponderEliminar